O Grémio Literário vila-realense organizou, no passado dia 25 de fevereiro, o lançamento do mais recente livro de António Passos Coelho. O livro intitulado de Angola – Amor impossível foi apresentado na Biblioteca Municipal Dr. Júlio Teixeira em Vila Real.

Depois de dois outros livros, o médico pneumologista lançou a sua terceira obra e deu-a a conhecer no auditório da Biblioteca Municipal. O livro foi apresentado pela escritora e jornalista Maria Hercília Agarez e narra a experiência de A. Passos Coelho em Angola quando era responsável pelos serviços de luta antituberculosa, sua especialidade clínica. Esta obra em prosa “fala da transição da Angola portuguesa para a Angola independente, daqueles 4/5 anos antes da independência. O livro fala-nos ainda de amores, por exemplo de uma paixão entre um médico e uma freira, portanto um amor que é impossível, uma vez que ele é casado e a freira é casada com Deus. Descreve também a situação dos portugueses que amavam Angola, mas que não eram correspondidos e que tiveram de vir embora para Portugal”, referiu o autor.

O escritor salienta ainda a importância do apoio por parte do Grémio Literário. Este tem como principal objetivo ser um organismo centrado na problemática da Literatura Trasmontana e Alto-Duriense e um instrumento para a promoção e divulgação da mesma. Passos Coelho afirma que este organismo “dá a conhecer os autores, promove as vendas, facilitando um pouco a vida aos editores”.

No fim do lançamento do livro, o público presente não escondeu a curiosidade em ler esta obra. Manuel Cardoso, um dos presentes, afirmou não conhecer pessoalmente o autor, mas não esconde a admiração que tem pelo seu trabalho. “São obras muitíssimo bem escritas, são obras autobiográficas e eu interesso-me imenso por este tipo de obras. Estou com uma grande expectativa em relação ao livro; vou lê-o com todo o interesse”, disse.

O público que assistiu atento ao lançamento do livro classificou este tipo de atividade como bastante importante, uma vez que são estas iniciativas que dão a conhecer o que de melhor se pode encontrar em Trás-os-Montes e Alto Douro.